Start working with an company that can provide everything you need to generate awareness, drive traffic, connect with customers, and increase sales montes, nascetur ridiculus mus

Rua 68 c/ Rua 71

009-215-5596

Give us a call

mail@example.com

24/7 online support

(62) 3213-3320 secretaria@pipg.org Rua 68 c/ Rua 71

Sobre Nós

A história da Igreja Presbiteriana inicia-se com a Reforma Protestante no Século XVI, com os ousados protestos do monge agostiniano Martinho Lutero, contra as corrupções na Igreja da sua época. Na França, essa Reforma foi dirigida por João Calvino que, perseguido, se estabeleceu em Genebra, de onde os seus exaustivos ensinos doutrinários se estenderam por toda a Europa. Na Escócia, a Igreja protestante foi organizada pelo sacerdote John Knox e mais tarde passou a ser chamada de Igreja Presbiteriana, por causa do desempenho dos mais velhos (presbíteros, em grego). 

Igreja Presbiteriana no Brasil teve início com a vinda do missionário norte-americano Ashbel Green Simonton, em agosto de 1859. Em apenas oito anos, ele lançou as bases da Igreja Presbiteriana, no Rio de Janeiro, em 1862, além de uma Escola Dominical, um Jornal, um Presbitério e um Seminário. Em 1867, ele morreu vítima de febre amarela.

A Primeira Igreja Presbiteriana de Goiânia foi fundada em 1935 e atualmente possui mais de 1.300 membros. Fundada pelas motivações que provocaram a Reforma Protestante, adotamos a Bíblia como a única regra de fé e prática, e os Símbolos de Fé de Westminster como expressão da sua doutrina.

Abaixo a relação de Igrejas iniciadas e/ou organizadas pelo trabalho da PIPG:

01. Igreja Presbiteriana de Vila Nova;
02. Igreja Presbiteriana Maranatha;
03. Igreja Presbiteriana União;
04. Igreja Presbiteriana do St. Pedro Ludovico;
05. Igreja Presbiteriana do St. Universitário;
06. Igreja Presbiteriana de Vila Redenção;
07. Igreja Presbiteriana do St. Bueno;
08. Igreja Presbiteriana do Pq. das Laranjeiras;
09. Capela Presbiteriana de Goiânia (1a. organização);
10. Primeira Igreja Presbiteriana de Senador Canedo-GO;
11. Igreja Presbiteriana do Jd. Novo Mundo;
12. Igreja Presbiteriana do St. Jaó;
13. Igreja Presbiteriana Balneário Meia Ponte;
14. Igreja Presbiteriana Jardim Goiás;
15. Capela Presbiteriana de Goiânia (2a. organização);
16. Igreja Presbiteriana de Pontalina;
17. Igreja Presbiteriana Mosaico.

Atualmente a PIPG é pastoreada e administrada pelo pastor-efetivo, Rev. Ericson Martins, os pastores-auxiliares, Rev. Gustavo Nunes Ribeiro, Rev. Jader Borges Filho, Rev. Lázaro de Oliveira e Rev. Marcos Nass, juntamente com quatorze presbíteros, além de quatorze diáconos, duas missionárias locais e o coordenador da capelania no Hospital Araújo Jorge (Rev. João Batista da Silva). Possui parceria com dez missionários no Brasil e no exterior, contribui financeiramente com seis Organizações Missionárias e administra uma Congregação Presbiteriana no Município de Trindade-GO.

Nossa Organização

Em que Cremos

Nossa História

O monge agostiniano Martinho Lutero protesta contra as corrupções religiosas da sua época e provoca uma inadiável e ampla reforma hermenêutica, teológica e administrativa na Igreja Cristã.

1517

Reforma Protestante

1859

Início do Presbiterianismo no Brasil

Chegada do Missionário Ashbel Green Simonton.

Ashbel G. Simonton fundou a primeira Igreja Presbiteriana no Brasil, na Cidade do Rio de Janeiro

1862

Primeira Igreja Presbiteriana do Brasil

1935

Fundação da Congregação Presbiteriana em Goiânia

Nesse ano se mudou para Goiânia o Rev. Antônio Nunes de Carvalho, oriundo da Cidade de Araguari-MG e, no então Município de Campinas (atual Setor de Campinas), fundou uma Congregação Presbiteriana, no dia 31 de agosto, sendo jurisdicionada pela Missão Oeste do Brasil, através do Rev. David Lee Williansom (IP de Araguari, MG)

Em 1938 um irmão, Divino José de Oliveira, doou o terreno da Rua 68 c/ Rua 71, no Setor Central de Goiânia e a Missão Oeste do Brasil enviou o evangelista Gustavo Krebisk para se dedicar aos trabalhos. Com o crescimento da Congregação foram organizadas as primeiras diretorias

1938

Mudança para Rua 68 c/ Rua 71 (Setor Central de Goiânia)

1939

Construção do atual templo

Nesse ano deu-se início a construção do atual templo da PIPG, contando com doações dos membros e prestação de serviços voluntários.

Congregação recebeu o primeiro pastor residente, o Rev. Jaime Woodson, juntamente com sua esposa Jessie e filhos.

1940

Primeiro pastor residente

1941

Primeiros oficiais

Nesse ano foram eleitos os primeiros oficiais, dois presbíteros. Com o rápido crescimento no número de membros, o templo passou a receber reformas de ampliação

Nesse ano foi inaugurado seu templo, depois de diversas reformas de ampliação. Antes tinha formato de uma casa, era pequeno e não comportava mais o crescente número de membros

1944

Inauguração do templo

1948

Organização da Igreja

Em 30 de maio de 1948 a Congregação foi organizada como Igreja, com o seguinte nome: Igreja Cristã Presbiteriana de Goiânia-Goiás (conforme a ortografia da época). No mesmo ano, contando com 230 membros comungantes, a Igreja elegeu o seu Conselho e a Junta Diaconal

No dia 28 de outubro de 1951 foi fundado o Instituto Presbiteriano de Educação (IPE), relacionado a Primeira Igreja Presbiteriana de Goiânia. O atual pastor na ocasião, Rev. Wilson de Castro Ferreira, apoiou o sonho de três mulheres presbiterianas, as professoras Gilda Machado Pimenta, Martha Rochael França e Sebastiana Rochael Machado, o que resultou nesse grande projeto de educação que, até hoje, tem impactado gerações, formando pessoas com valores bíblicos.

1951

Fundação do IPE

1984

Templo atual

Inauguração do atual templo, com capacidade para 660 pessoas sentadas.

Hoje a Primeira Igreja Presbiteriana de Goiânia possui mais de 1.300 membros; 33 oficiais ativos (5 pastores, 14 presbíteros e 14 diáconos); 22 Ministérios, Sociedades Internas e Comissões; administra 1 Congregação (Trindade-GO); acompanha e investe na formação (acadêmica e ministerial) de 2 seminaristas; mantém 2 missionárias locais (infância e idosos); parceria com 10 missionários no Brasil e exterior, com o pastor e coordenador da Capelania do Hospital Araújo Jorge (Goiânia-GO) e com 6 Organizações Missionárias. Ao longo de todos esses anos investiu na organização de 17 novas Igrejas na região.

2019

Atualmente...