Boletins Semanais

  • 21 de Janeiro de 2018

    SEMPRE NA MEMÓRIA

    “Por esta razão, sempre estarei pronto para trazer-vos lembrados acerca destas coisas, embora estejais certos da verdade já presente convosco e nela confirmados.” 2 Pedro 1:12 Temos uma tendência muito grande por esquecer as coisas, nossa memória é muito falha. Ainda mais por vivermos na era da informação, ligada à expansão da internet e os aparelhos tecnológicos. A todo momento estamos lendo, seja um blog, uma notícia, um livro, uma revista, etc. Os estudantes precisam cada vez mais de dedicação e tempo de esforço para terem conteúdo bom e atual na mente. Mas quanto disso tudo conseguimos absorver e reter em nossa mente?

    Boletim completo
  • 14 de Janeiro de 2018

    O AMOR RESTAURADOR DE DEUS

    “Volta, ó Israel, para o SENHOR, teu Deus, porque, pelos teus pecados, estás caído.” Os 14:1 Oséias foi profeta de Deus no Reino de Israel, também chamado de Reino do Norte, nos anos de 732/722 a.C., aproximadamente. Seu nome é hebraico e significa salvação, livramento, libertação. Sua profecia está na Bíblia Sagrada, no livro que recebeu seu nome, e apresenta “o Amor de Deus” como sua mensagem central. Desde o início do livro, profeta relata que foi Deus quem o chamou, e que lhe deu a missão de se casar e usar essa união conjugal como mensagem de Deus ao povo, sendo uma metáfora (comparação) do casamento (união) de Deus com o seu povo. Assim, a mensagem de Deus ao povo seria a vida do profeta em seu lar.

    Boletim completo
  • 7 de Janeiro de 2018

    BOM FUTURO

    “Não tenha o teu coração inveja dos pecadores; antes, no temor do Senhor perseverarás todo dia. Porque deveras haverá bom futuro; não será frustrada a tua esperança” (Pv 23:17-18) Diante da Igreja, homens em geral, sem o devido temor do Senhor, frequentemente planejam e persistem na busca pela satisfação e felicidade pessoais, cada um à sua maneira, e mesmo por caminhos duvidosos e reprováveis, muitos acabam ostentando sucessos. Enquanto isso o povo de Deus, sob aparente desvantagem, por causa de restrições na consciência pela Palavra, às vezes, se vê pressionado a invejar os pecadores, a percorrer o mesmo caminho deles. Infelizmente muitos cristãos têm cedido à essas provocações e assumido concorrer com os pecadores, como se ambos estivessem caminhando para o mesmo destino.

    Boletim completo
  • 31 de Dezembro de 2017

    ENTRE O ANTES E O DEPOIS

    Todos os dias são novos dias porque, a cada dia, as pessoas têm experiências e se deparam com novas responsabilidades. Enquanto o saudosismo e ressentimento prendem as pessoas passado, a ansiedade as prende no futuro. Ambos extremos negligenciam o presente que deve ser vivido tanto com maturidade pelas lições extraídas do passado, quanto com a esperança naquilo que fora prometido por Deus...

    Boletim completo
  • 24 de Dezembro de 2017

    POR UM POUCO MENOR QUE OS ANJOS

    O Natal é provavelmente a festa relacionada ao cristianismo mais conhecida e comemorada ao redor do mundo. Sua ocorrência abrange inclusive países considerados não-cristãos e pós-cristãos, possivelmente devido ao caráter cultural e comercial da festa...

    Boletim completo
  • 17 de Dezembro de 2017

    O NASCIMENTO DE JESUS

    Celebrações como a do Natal são simbólicas para os cristãos. Apesar de não haver qualquer confirmação histórica sobre a ocorrência do nascimento de Jesus na data de 25 de dezembro, tradicionalmente ela é celebrada nesta data. A celebração do Natal pelos cristãos é uma oportuna maneira de anunciar uma das mais significativas histórias e doutrinas bíblicas às gerações futuras, pois ela trata, exclusivamente, de Jesus Cristo e de como ele, sendo Deus, veio, como Homem, padecer no lugar de pecadores e justificá-los perante Deus para a salvação eterna...

    Boletim completo
  • 10 de Dezembro de 2017

    NATAL E O NOME DE JESUS

    De acordo com o relato acima, do Evangelho de Mateus, o nome de Jesus Cristo foi dado pelo anjo Gabriel, quando anunciou seu nascimento a José, desposado com a virgem Maria. Gabriel não somente disse que Maria estava grávida pelo Espírito Santo de Deus, como orientou José a chamar o filho de “Jesus”...

    Boletim completo
  • 3 de Dezembro de 2017

    HOJE, DEIXEI DE LER MINHA BÍBLIA

    Após a minha conversão em 1977 passei a dedicar diariamente horas para a leitura da Bíblia e oração. Eu tinha um diário onde anotava as minhas experiências espirituais todos os dias. Durante alguns anos registrei nesse diário as minhas histórias de fracasso, vitórias, frustrações e descobertas como cristão. Uma das lições que aprendi cedo, e que ficou registrada no diário, foi que quando eu parava de ler a Bíblia, meditar nela e orar a Deus, o pecado remanescente em meu coração ganhava poder sobre minha vontade e sobre minhas decisões. Vez após vez escrevi sobre esse fato. Não poucas vezes registrei a frase que é o título dessa mensagem. Quanto mais tempo eu passava sem ler a Bíblia e orar, mais difícil era retomar a prática diária e mais endurecido meu coração ficava. Aquela mentalidade espiritual tão necessária se perdia aos poucos. Eu perdia o poder espiritual necessário para a santificação. Por outro lado, quando eu mantinha regularmente a disciplina da oração e leitura bíblica, o deleite em Deus e a compreensão do mundo a partir das Escrituras cresciam exponencialmente...

    Boletim completo
  • 26 de Novembro de 2017

    INCONDICIONALMENTE DEPENDENTE

    O Salmo 131 é uma expressão de confiança e humildade, o qual enfatiza a soberania, o amor e o cuidado do Senhor para com o seu povo. Estes cânticos de romagem ou peregrinação são compostos de adoração, confissão, protestos de inocência, queixa de sofrimento, pedidos de livramento, ações de graças. Enfatizam ainda, um relacionamento muito íntimo para com o Deus verdadeiro. Willian Lasor afirma que: “Os Salmos são de fato respostas dos sacerdotes e do povo diante do livramento e de revelação de Deus na História deles, são revelações e também respostas...”

    Boletim completo
  • 19 de Novembro de 2017

    A EFICÁCIA DO AMOR CRISTÃO

    O Amor caracteriza-se por ser um sentimento por alguém, acompanhado do desejo de lhe fazer o bem (1Sm 20:17). A nossa relação com a família da fé deve ser a mais produtiva e cheia de expressão de amor. Aquela relação onde encontramos total confiança e dedicação. Isto deve promover uma busca da expressão da glória divina na igreja...

    Boletim completo

Vídeo em Destaque

;